10 passos simples para organizar sua casa

Existem algumas estratégias testadas e comprovadas por profissionais que podem aumentar a eficácia da sua organização. 

De estratégias conhecidas, como organizar um espaço por vez e ter três caixas para colocar coisas - manter, jogar e doar (método Marie Kondo) - a dicas menos conhecidas, como estar ciente dos pontos críticos de desordem e olhar para o seu espaço através dos olhos de um visitante. 

Neste artigo, vamos te ensinar dicas simples de organização para que você possa economizar tempo, dinheiro e estresse.

  1. Comece com os documentos

Guarde a papelada que ainda usa ou tem validade e recicle ou jogue fora as que só estão ocupando espaço. 

Para armazenar, use organizadores de gaveta, pastas, arquivos, e etiquete para quando precisar ser simples e rápido de encontrar.

  1. Reserve tempo

Não espere que a organização aconteça do dia para a noite. Dependendo da área a ser organizada, reserve algumas horas por dia para trabalhar na organização. Arrumar uma cozinha levará mais tempo do que organizar um lavabo, por exemplo.

  1. Faça um combinado com os moradores para colocar as coisas de volta no lugar a que pertencem

A organização começa fazendo com que os membros da sua família coloquem as coisas de volta no lugar a que pertencem. Isso pode fazer com que eles reclamem, mas ajuda muito.  E, se cada um fizer a sua parte, você terá vencido metade da batalha contra a desorganização.

  1. Organize a cozinha

O cômodo da casa que costuma ser o mais lotado merece atenção especial. Aquela famosa frase: “sujou, lavou, guardou” que nossas mães sempre nos ensinaram como uma regra, deve mesmo ser levada a sério. No dia a dia você verá nitidamente a diferença, além de uma otimização no seu tempo livre.

Coloque seus itens de volta nos respectivos armários e gavetas. Se você tiver problemas para encontrar onde armazenar, tente agrupar itens semelhantes, como pratos com pratos e todos os itens da despensa juntos.

  1. Livre-se de tudo que não usa mais

Cômodo por cômodo, gaveta por gaveta, armário por armário, reduza o volume de suas coisas eliminando os itens que você não usa.

Todos nós temos coisas que nunca foram usadas. Algumas delas estamos guardando para um futuro que nunca chega, outras são simplesmente coisas que acumulamos ao longo dos anos.

Doe seus itens não utilizados ou venda-os se estiverem em bom estado.

  1. Mantenha em ordem seus materiais de limpeza

Certifique-se de ter uma boa vassoura, rodo, aspirador, esfregão, soluções de limpeza e panos. Uma casa limpa é uma casa organizada.

  1. Aprenda quando dizer "sim" e quando dizer "não"

Ao organizar a desordem ou ao fazer compras, tome decisões lógicas sobre se você realmente precisa das coisas. Pode ser um pequeno brinquedo ou um novo livro que no momento parece bom e alguns dias depois está entulhado na estante.

Se pergunte sempre antes de comprar algo novo ou aceitar uma doação.

  1. Evite distrações enquanto organiza

Pode ser tentador dar uma checada no celular enquanto organiza, mas evite e se possível retire notificações e barulhos externos que possam atrapalhar o seu foco.

  1. Cultive hábitos de organização e seja flexível

Caso seu sistema de organização não esteja funcionando, avalie mudar. Nós aqui da Esplanada, estamos sempre atualizados com dicas, novos métodos e tendências do mercado.

  1. Pare de procrastinar - Enfrente a desordem!

Organizar uma casa ou até mesmo um cômodo pode ser uma tarefa estressante. Comece devagar ou jogue tudo no chão e só pare quando acabar. Mas dê o primeiro passo!

Faça um planejamento semanal, caso não consiga concluir tudo em um só dia. Deixamos aqui uma sugestão:

  • Segunda-feira: Cozinha e sala
  • Terça-feira:  Quarto
  • Quarta-feira: Quartos infantis e brinquedos
  • Quinta-feira: Lavanderia
  • Sexta-feira: Banheiros
  • Sábado: Demais cômodos

Separamos também dicas extras para você entender com mais clareza a importância de uma boa organização:

Visibilidade

As três regras para a organização são: visibilidade, acessibilidade e flexibilidade. Escolha recipientes que sejam transparentes ou que você possa etiquetar facilmente para ajudar a identificar imediatamente o conteúdo e assim economizar tempo.

Acessibilidade

Certifique-se de que os itens de que você precisa com mais frequência são os mais fáceis de acessar. Da mesma forma, coloque os itens que você não precisa consultar com frequência em uma prateleira mais alta ou no fundo.

Flexibilidade

Escolha um método de armazenamento que pode se adaptar às suas necessidades de mudança. Desta forma, você pode facilmente reconfigurar se necessário, e resolver uma variedade de problemas de organização.

Para a organização ser uma tarefa mais leve e menos estressante, envolva sua família e faça disso um projeto ou um desafio. E claro, conte com a Esplanada para as melhores dicas de organização, móveis e planejamento para sua casa!

Fechar