Reforma da casa: como tornar esse momento mais versátil

Reformar a casa. Dois sentimentos acompanham essas três palavras, ou medo, ou desejo. Medo pois ela pode ser mais difícil e complexa do que parece, e desejo, pois quem nunca quis mudar a decoração ou a disposição das coisas em um ambiente? 

Nós estamos em constante mudança, então, observar novos ambientes e sentir vontade de incorporar alguns itens em um ambiente de sua casa é normal e muito válido, mas para que sua reforma seja feita de forma prática e eficiente, você precisa tomar cuidado com algumas questões, e levar em consideração outras, para que não haja aborrecimentos futuros. 

Aqui vão algumas dicas de como tornar sua reforma mais prática e versátil, sem precisar de muito! 

  1. Tenha um planejamento

Antes de mais nada, é preciso saber o que se quer fazer durante a reforma, quanto se pretende gastar, e quais são as mudanças que podem ser deixadas para trás caso algo não saia como planejado. Pode parecer besteira, mas muita gente inicia uma obra sem saber o que se espera dela, por isso, o planejamento é imensamente importante.

Ao planejar o processo de reforma, procure dividir tudo em etapas, dessa forma, você consegue mapear os custos e controlar o tempo da obra. E, além disso, se algo sair fora do planejamento, você consegue perceber a tempo para alterar.

  1. Defina um limite de orçamento

Para evitar que o investimento da reforma seja alto, procure estabelecer um limite financeiro. Pesquise as lojas, os materiais, valor da mão de obra e negocie. Pense também nos custos adicionais, como a água e luz. Dependendo do tamanho da sua obra, os gastos nesse sentido podem ser intensificados.

Por isso, analise a sua capacidade financeira. Em outras palavras, quanto dinheiro você pode pagar mensalmente sem ficar endividado. O ideal é guardar uma reserva para que o investimento não saia tão caro para o bolso.

  1. Monte um cronograma de prazos

Como mencionado, toda obra precisa de um controle de tempo, é nessa hora que o cronograma entra. 

É fundamental estabelecer os prazos, os processos e todas as etapas que devem ser cumpridas. Em outras palavras, tudo precisa ter uma data para começar e terminar, até os mínimos detalhes.

Para isso, o calendário pode ser o seu melhor aliado. Defina as datas de início de cada etapa de trabalho e quando elas devem ser finalizadas. Cada detalhe precisa ser incluído nesse cronograma.

  1. Mão de Obra qualificada

Após a fase de planejamento e com valores aprovados vem a execução. É muito importante contratar um profissional, ou empresa qualificada. Essa parte tem que ter muito cuidado. 

A questão de valor é algo que precisa ser vista com cuidado pois estamos sempre querendo economizar. Quanto vale o seu tempo? Quanto vale ter que refazer um serviço? Quanto vale uma garantia? E a dor de cabeça de já estar morando e ter um problema?

Optar por uma empresa habilitada pode ser muito mais confiável, já que ela terá os profissionais aptos para qualquer tipo de imprevisto e serviço que precise ser prestado

  1. Compre materiais de qualidade

Essa é uma questão muito parecida com o tópico anterior, sempre pensamos em economizar, mas procure, novamente, fazer o questionamento:  o barato pode sair mais caro?

Não vale a pena comprar materiais baratos, que terão que ser trocados em um curto período de tempo. Além disso, você pode proporcionar insegurança e desconforto à sua família com a falta de proteção desses produtos.

Com tudo em ordem, está na hora de pensarmos no ambiente, em quais mudanças gostaríamos de fazer e em como deixar o ambiente mais prático e versátil, por isso, também temos duas dicas para isso! 

  1. Móveis multiúso e Mobiliário versátil

Aqui, você deve pensar em como seu ambiente vai ficar, por isso, olhe para os móveis e mobiliários com atenção, e veja se eles possuem mais funções do que as comuns. Por exemplo, um banquinho pode ser utilizado para se sentar, mas também como suporte, seja de decoração, ou como "mesinha", ou seja, dependendo do ambiente que ele está, pode ter uma função diferente da original. 

Outra sugestão é utilizar uma estante com prateleiras ou nichos, que você pode mudar de lugar de acordo com a necessidade. Assim, sempre que precisar reconfigurar o ambiente, não precisará chamar um profissional. Além disso, esse móvel pode mudar com você se precisar! 

  1. Pinturas, papel de parede ou plantas na decoração

Essas são as alternativas mais pensadas quando bate aquela vontade de dar um astral diferente para o lar. Sendo assim, aproveite as diversas opções de tintas e a versatilidade do papel de parede para deixar um cômodo completamente repaginado.

Outra opção, são plantas, muito se fala também sobre o poder que elas têm de melhorar as energias da casa. Por esta razão, ter um jardim faz muita diferença para muitas pessoas. Elas podem adicionar mais cor a qualquer decoração, e transformar o ar do seu ambiente. 

Agora que você já sabe o que precisa para sua reforma, comece a planejá-la com calma e atenção, e sempre que precisar, volte neste artigo para ver se nada passou batido!

Fechar